Quinta-feira, 25 de Maio de 2006
“CONTRA FACTOS NÃO HÁ ARGUMENTOS…”

 

 

  

      

 

Foi sempre a minha maneira de estar na vida, sabendo ler, ouvir, pensar, falar e apreciar (ou não), mas sempre com sentido de responsabilidade, tudo aquilo que as outras pessoas de diferentes opiniões e opções dizem.

Todos nós como responsáveis que somos (ainda penso eu que assim é) pelos nossos actos, palavras e acções devemos sempre que erramos pedir desculpa a quem ofendemos.

Depois destas breves, mas sentidas palavras, gostaria de vos falar de um artigo que o Sr. Dr. Miguel Rodrigues, Vereador e actual Presidente da Concelhia do PSD de Alijó escreveu no seu blog, no passado dia 22 de Maio de 2006.

Foram sem sombra de dúvida palavras Infelizes e de total Afronta e Desprezo para com todos os Habitantes do Concelho de Alijó (eleitores e não eleitores).

Sr. Dr. Miguel Rodrigues é muito grave o que escreveu, já que não tem o direito de falar assim de ninguém, seja essa pessoa de onde for, mas muito menos, para com as pessoas que diariamente dão o melhor de si, no seu ganha pão e que fazem com que este nosso Concelho de Alijó, fique cada vez mais rico e com melhores condições de vida.

Sr. Dr. Miguel Rodrigues, quem assim escreve e pensa das pessoas que Vivem e Trabalham diariamente no Concelho de Alijó, não é, nem nunca pode vir a ser uma pessoa com responsabilidades sérias no nosso Concelho.

Não vale a pena vir dizer agora que não escreveu, aquilo que afinal já está escrito, porque quem utilizou palavras como “…pessoas medíocres, presas a uma realidade atrasada e incapazes de alcançar sucesso num mundo competitivo”, “…mesquinhez, vistas curtas…”, “…pequenos e acanhados…”, pois quem assim Pensa e Escreve não não é de cá certamente... 

Sr. Dr. Miguel Rodrigues gostaria para finalizar de lhe dizer, que infelizmente o Sr. depois de ter dito e escrito, tudo aquilo que pensa e sente sobre todas as pessoas do Concelho de Alijó, só tem uma saída, continuar a viver e trabalhar na cidade de Vila Nova de Gaia…

Como diz o velho ditado “Contra Factos não há Argumentos…”, o Facto já o Sr. arranjou ao escrever o texto “Ser ou não ser de cá: eis a questão!”, o Argumento, serão as pessoas do Concelho de Alijó que nunca mais lhe vão perdoar. E como bem as conheço, estarei (infelizmente, ou, felizmente) cá para ver esse seu triste dia…

 

“Alijó Sublime”

 



publicado por ALIJÓ SUBLIME às 17:04
link do post | comentar | favorito
|

13 comentários:
De Miguel Rodrigues a 26 de Maio de 2006 às 08:53
Caro Anónimo Alijó Sublime, não obstante não desejar responder a anónimos, em face da deturpação que V. Ex.a propositadamente fez, entendo que por uma óbvia necessidade de reposição da verdade, impõe-se a publicação integral do texto, que aqui deixo. Pela má fé manifestada se vê que interesses este blogue pretende servir. Com efeito, contra factos não há argumentos...

"SER OU NÃO SER DE CÁ:
EIS A QUESTÃO!
Foi uma das críticas que mais me surpreendeu, enquanto candidato autárquico, a de que eu “não estava cá”, criticando-se o facto de residir e trabalhar na cidade de Gaia, como se tal desvalorizasse a minha competência ou o mérito das minhas ideias para este concelho de Alijó.
Foi, de resto, o argumento mais utilizado pelos adversários no decorrer da campanha eleitoral. Dizia-se então: “Ele não está cá, ao contrário de nós que aqui vivemos e trabalhamos”. Aliás, o slogan de campanha adoptado pelo Partido Socialista, não foi inocente: “Viver e sentir o concelho”, por oposição, presume-se, a quem o não vivia e não o sentia.
Naturalmente, foram omitidas pelos adversários as minhas óbvias ligações familiares ao concelho, bem como o facto de ter sido deputado da Assembleia Municipal de Alijó, no mandato que então findava, o que, a ser revelado, me retiraria a qualidade de “pára-quedista” que, a todo o custo, queriam de mim promover. Ou até mesmo o facto de o então Presidente da Câmara e candidato socialista, bem como o Presidente que o antecedeu, não serem naturais do concelho.
Reconheço que fiquei surpreendido com esta crítica, por representar um argumento excessivamente primário. Poderiam atacar a competência do candidato, as suas ideias, a sua juventude, ou quaisquer outras circunstâncias que relevassem para o cargo ao qual se candidatava. Mas de um argumento tão básico e insignificante, não estava manifestamente à espera.
Faço estas considerações agora e aqui, neste blogue, para abordar um tema que reputo da maior importância: a mentalidade das pessoas.
É que as críticas que me dirigiram e às quais fiz referência acima, denotam toda uma mentalidade, um conjunto de preconceitos, que em nada abonam para uma progressiva abertura deste concelho de Alijó, condição fundamental para que o mesmo tenha um melhor futuro.
Mesmo em relação a diversas outras situações, ouvi críticas a certas pessoas alegando-se que “esse não é de cá” ou “não está cá”, como se essas pessoas padecessem de uma espécie de doença contagiosa que obrigasse à sua exclusão.
Há, nesta terra, por parte de alguns, uma evidente tentativa de discriminar negativamente aqueles que para aqui querem vir residir ou trabalhar, ou, de alguma forma, dar o seu contributo para o progresso do concelho, temendo porventura uma concorrência que os obrigaria a sair do marasmo e apatia vigentes. Atitude incompreensível para um concelho cada vez mais afectado pela desertificação populacional e de onde tantos saíram para outras paragens, em busca de melhores condições de vida.
Imaginemos até que a situação se invertia e que nos grandes centros urbanos de Lisboa e Porto, ou até mesmo no estrangeiro, as comunidades locais resolviam discriminar os oriundos deste concelho, com o argumento de que “não são de lá”. Inaceitável, não? E estamos a falar de muitos milhares de pessoas.
Esta atitude revela mesquinhez, vistas curtas e a tentativa de apropriação deste concelho por parte de um núcleo restrito de pessoas, como se de uma coutada se tratasse. Os “forasteiros” incomodam, pois assumem-se como totalmente independentes dos pequenos e acanhados interesses que, a cada passo, se vão revelando.
Entendo que Alijó não representa um feudo de ninguém, sobretudo de certas pessoas medíocres, presas a uma realidade atrasada e incapazes de alcançar sucesso num mundo competitivo.
Seria, aliás, um bom sinal, que muitos que “não são de cá”, para cá viessem. Isso constituiria um indício de que este concelho tinha condições para atrair as populações, proporcionando-lhes boas condições de vida.
Temos de aceitar um modelo de sociedade cosmopolita e Alijó não pode nem deve passar ao lado desta realidade.
Gostar deste concelho, identificar-se com ele e defender os seus interesses, isso sim. Mas ser ou não ser de cá, bem vistas as coisas, não é assim tão importante...

Miguel Rodrigues"


De Anónimo a 26 de Maio de 2006 às 10:29
Não percebi. Afinal as palavras são suas, como aliás se pode ver pelo texto que amavelmente transcreveu, caro candidato. Parece-me desesperado. Assuma e peça desculpa aos eleitores e habitantes do concelho, ou é demasiado bom para isso? Não vive e não sente o concelho! E já agora também nunca fez nada por nós. Siga o conselho de ALIJÓ SUBLIME e fique lá por Vila Nova de Gaia e siga também o conselho de outro comentador do blog do PSD e apresente-se ao Dr. Luís Filipe Menezes ( daqueles que me fazem orgulhar ser do PSD), ou será que ele não o considera? Deve ser pois marcou presença na sua apresentação como candidato e faltou...
Ambições... Tranpolins...Narcisistas... O povo já lhe respondeu no dia 9/10 de 2005. E voltará a responder. V.Ex.ª obteve para o meu partido o pior resultado de sempre. Números. Factos. Ou também vai dizer que é má fé e vai publicar os últimos resultados autárquicos? E para terminar aprenda a ler e a ouvir críticas. Eu penso, e tenho direito quer a pensar, quer a pensar diferente de si. E penso mesmo! E não estou sozinho!


De Alijoense a 26 de Maio de 2006 às 10:24
Dr. Miguel Rodrigues por muito que lhe custe, o Dr. escreveu aquilo que sente das pessoas de Alijó, afinal o Sr. é Dr. de uma só palavra, ou, não?. Eu votei em si nas últimas eleições autárquicas, mas nas próximas eleições se for o candidato do PSD, não conte mais com o meu voto e o da minha familia. Bem que já me tinham avisado que o Dr. é uma pessoa prepotente, muito ambiciosa e não gosta de ser contrariado, nem ouvir ninguém. Eu sempre disse que o Dr. não era assim, mas visto isto, afinal eu é que me enganei e a maioria das pessoas é que estavam certas. Com pessoas assim Alijó nunca irá para a frente. A todos peço desculpa por ter votado no Dr. Miguel Rodrigues. E a todos os eleitores de Alijó peço, que não facam a asneira que eu já fiz, nunca votem no Dr. Miguel Rodrigues para presidente da C.M. de Alijó. Quem vos avisa, vosso amigo é, diz a voz de um arrependido.


De Por Alijó a 26 de Maio de 2006 às 11:33
Parece-me que estes xuxalistas que por aqui andam e nada mais têm para fazer, estão a ficar nervosos. São malcriados, não dizem nada de jeito e só lamento que o Dr. Miguel lhes dê ouvidos e se dê ao trabalho de lhes responder. Caro dr. ignore-os por favor. Vê-se que preferiam que o Dr. nunca tivesse aparecido para estarem todos mais à vontade. A mediocridade de que fala no texto encaixa que nem uma luva nessa gente. O texto é uma carapuça e estes enfiaram-na. Serviu-lhes na perfeição. E este anterior Alijoense quer convencer quem? Claro que é um socialista. Acha que alguém acredita que votou PSD? A menos que já se tenha vendido como outros o fizeram. Tenham vergonha!


De " ALIJÓ SUBLIME " a 26 de Maio de 2006 às 14:30
Exmo Senhor
Luis Almeida.
Com todo o respeito que tenho por V. Exa. e por todas as pessoas que livremente podem e devem participar neste Blog, não me parece bem, nem será justo, nem verdadeiro que venha atribuir a responsabilidade a pessoas que em nada têm haver com o conteúdo dos textos, nem mesmo, com este Blog.
As suas opiniões serão sempre bem vindas, mas não para acusar pessoas nem localidades que em nada têm haver com este Blog.
Conto no Futuro com a sua participação neste Blog. Não podemos ser como outros, que só sabem falar mal do nosso Concelho e das Pessoas que aqui trabalham e dão o melhor de si diáriamente.
Cumprimentos cordeais, de um Conterrâneo atento.
"Alijó Sublime"


De Luís Almeida a 30 de Maio de 2006 às 23:35
Caro "Alijó Sublime"

Vi o meu nome aqui lançado nesta discussão sem que me lembre que dela tenha participado! Estou a ser completamente honeste e sincero quando lhe digo que não sei a que propósito surjem as suas palavras. Gostava que me elucidasse para eu poder rever o que escrevi já que parece não ter sido adequado.
Esta minha preocupação surje também pelo facto de nos últimos tempos o meu nome ter sido utilizado por pessoas que não eu para emitir opiniões que não correspondem à minha forma de pensar.
Agradeço este esclarecimento e coloco à sua disposição o meu mail pessoal para que me possa, se fizer o favor, elucidar, bastará para tal indicar-me o comentário em que fui incorrecto.e procederei à respectiva explicação que já não é meu hábito nem pretende faltar ao respeito de quem quer que seja ctpluis@sapo.pt
Muito Obrigado


De João Miranda a 28 de Maio de 2006 às 17:13
Como disse já em comentário ao post anterior, este Alijó sublime é um cobarde, pois critica as pessoas sem dar a cara. Este blogue é uma vergonha e nada tem de sublime. Se quiser continuar pelo menos mude o nome, porque os alijoenses não são cobardes como você.


De JP a 30 de Maio de 2006 às 11:36
Não preetendo defender nem atacar ninguém, mas parece-me claramente que há aqui, uma intenção clara de atacar uma pessoa por ter manifestado a sua opinião, em que se refere a "alguns" (este é o meu entendimento) e não ao Concelho de Alijó.
Só os deturpadores têm o entendimento que se tem notado, não me aparece que seja o caminho, é politica é verdade(!), mas não com este tipo de acusações.


De Viva Vilar de Maçada a 30 de Maio de 2006 às 15:40
Alijó sublime (ou Por Sanfins, ou Alijoense, são todos a mesma pessoa), se dúvidas houvesse sobre quem você é, essas dúvidas desapareceram. Desta vez deu muito nas vistas. Continua a considerar-se mais esperto que os outros?


De Anónimo a 30 de Maio de 2006 às 17:04
O que é a favor daquele que V.Ex.ª considera "o melhor",é bom, deve manter-se, é justo, é acertado. O que for contra o "supra-sumo" da política alijoense já não presta, é injusto, é errado, não se pode comentar. VIVA A DEMOCRACIA!VIVA A LIBERDADE!Não percam tempo a ler estes blogs que não prestam. Tratem de covencer o povo,com propostas concretas e objectivas, que melhorem realmente a nossa vida,povo esse que parece nem vos conhecer.


De António Júlio a 30 de Maio de 2006 às 17:36
Parece que há alguém a comentar este blog que tem o dom da umbiquidade! Ou parece que as diferentes freguesias do nosso concelho não têm quem responda por elas. Parece que para alguns é sempre a mesma pessoa, isto porque não concorda com o Dr.Miguel. Vê-se logo que só há uma pessoa que não concorda com o caro Dr.
É mesmo só um! Sempre o mesmo! É disto que vocês se convencem ou melhor que vos convencem e quando chega a hora da verdade é o que se sabe. É fácil verificar que é só um que não vota em vós.
OLHE QUE NÃO! OLHE QUE NÃO!


De " ALIJÓ SUBLIME " a 31 de Maio de 2006 às 14:18
Exmos(as) Senhores(as)
Gostaria de mais uma vez informar a todos, que este Blog não está, nem nunca esteve ao serviço de nada nem de ninguém.
Gostaria também, que não fossem mencionadas nomes de pessoas, que em nada têm a ver com os textos que este Blog publica.
O Blog "Alijó Sublime" retirará sempre as opiniões (sejam quais forem) que contenham nomes de pessoas que em nada têm com os assuntos em questão.
Por isso o Blog "Alijó Sublime", mesmo não sendo responsável por estes textos escritos (os quais reprova na sua integra) pelos Srs(as)., "Nóa por cá" e " Por Sanfins do Douro", pede Desculpa ás pessoas visadas nos mesmos, ou seja, ao Sr. Alceu Mendes da Costa e ao Sr. José Manuel de Vilar-de-Maçada.
Cumprimentos Cordeais, de um Conterrâneo sempre atento.
"Alijó Sublime"


Comentar post

mais sobre mim
pesquisar
 
Março 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
25
26

27
28
29
30
31


posts recentes

"ESPERAMOS QUE SEJA O PRI...

TOMADA DE POSSE DE ANÍBAL...

CAVACO SILVA VENCE EM POR...

VOTAR É UM DEVER CÍVICO

FELIZ NATAL E UM BOM ANO ...

MAIS UM SONHO MEGALÓMANO....

QUAL É O FUTURO DO PSD EM...

O CORTE NOS SALÁRIOS DA F...

"QUANDO OS GOVERNANTES NÃ...

CENTENÁRIO DA REPÚBLICA P...

arquivos

Março 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Março 2010

Outubro 2009

Dezembro 2008

Abril 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Outubro 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Fevereiro 2007

Outubro 2006

Setembro 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

blogs SAPO